Frame Saw: protegendo os dentes da lâmina

Uma proteção para qualquer serra

6 comentários

19 de Março de 2016

Eu estou guardando a minha serra na vertical apoiada no chão com os dentes voltados para a parede. Os dentes que não são utilizados, ou seja, o pedaço da lâmina inserido nos braceletes de metal, encostam com facilidade na parede. Digamos que qualquer agilidade em excesso ao retirar ou colocar a ferramenta pode facilmente causar algum dano nada bem-vindo. Na verdade, atualmente ocorre por muitas vezes o transporte da ferramenta por alguns cômodos, em se tratando de uma lâmina de 31 1/2" de comprimento, não é tão difícil esbarrar em algum lugar.

O meu serrote PAX de 26" veio com um protetor de plástico que nada mais é do que um canal que abriga os dentes. Funciona muito bem, porém o mesmo tipo de protetor que acompanha dois serrotes de costas já não se aguenta mais no lugar devido ao desgaste do material em tirar e colocar. Não que o mesmo não possa ocorrer com a madeira, mas ao menos posso umedecer com água o canal para ajustar ao meu gosto. No mais um protetor de madeira me pareceu bem mais robusto e elegante.

Foi bem fácil fazer o protetor com a ajuda da Kerfing Plane 3/16". Não vejo porque não ter sucesso com um serrote com kerf ligeiramente menor do que a lâmina que receberá a proteção ou até mesmo com a própria lâmina. Obviamente o processo será mais tortuoso. Fiquei empolgado em tentar substituir os protetores de plástico que estão me irritando de tanta folga, e para as lâminas em questão a Kerfing Plane não poderá ajudar. Fiz o protetor com um resto de Cedro. Ficou justo e ao mesmo fácil de encaixar. Recomendo.

Comentários

  • paulobro

    19 de Mar?o de 2016, 04h52m

    Nada contra cuidar e proteger ferramentas, claro, mas... sei nao. Fica a impressao nenhuma das eventuais agressoes fortuitas/acidentais que possam advir `as laminas sequer se comparam `a intensidade da agressao que sofrem quando em uso serrando madeiras.

    cosme

    19 de Mar?o de 2016, 07h23m

    Eu concordaria somente com base na probabilidade porque a ferramenta é significativamente grande e sua lâmina tem um custo considerável. Ao menos no meu caso atual, a ferramenta é transportada entre cômodos e está sempre montada, esbarrar em uma coluna não é impossível, no mais se alguém esbarra na ferramenta apoiada e a mesma cai no chão ou derrapa na parede, com o protetor tudo parece Ok.

    De todo o modo, tenho que concordar que o risco maior, no caso específico desta serra, está em duas situações:
    1) O comprimento ultrapassa com facilidade os pontos de ancoragem de uma morsa de Moxon. Normalmente estes pontos são grampos ou barriletes, que são de metal. Ao se aproximar do final de um corte em que a serra fica muito próxima da morsa... Eu confesso que já risquei a tinta por duas vezes de um grampo com os últimos dentes... Inclusive deixei de usar barriletes nesta operação por causa da altura dos mesmos. Sim, se a minha morsa tivesse um mecanismo para prender por trás e não pelas laterais, isso não ocorreria;
    2) No segundo e último corte, a serra despenca. Super importante ter um caminho livre de agressões fatais como os metais. Ao menos que despenque na madeira.

  • Marcelo Amorim

    19 de Mar?o de 2016, 08h28m

    Cosme , vc também afrouxa os braceletes de metal quando a lâmina do frame saw não está em uso ? Como acontece nas serras de fita para que não comprometa a elasticidade da lâmina ?
    A proteção pareceu bem eficiente ... parabéns .
    Simplicidade manda.

    cosme

    19 de Mar?o de 2016, 08h32m

    Amorim, eu tenho essa dúvida. Ao contrário da Bow Saw (Arco de serra), eu acredito que não é necessário, até porque nunca vi o Tom fazer isso. Vou perguntar a ele ou ao Mark Harrell.
    []s

  • Maurcio

    19 de Mar?o de 2016, 11h54m

    Cosme,

    Você já viu as canaletas plasticas usadas pra encadernar folhas temporariamente? Usávamos bastante na faculdade de arquitetura, pois não se tinha como encadear folhar A0, eram vendidas no tamanho maior 1189mm e quando novas eram bem fechadas e tem mais ou menos uns 10mm de profundidade.
    Nas lojas de plastico é possivel encontra-las com comprimento mais longos.
    Podem desempenhar bem essa função, vou procurar alguma nova por aqui e ver se testo num serrote desprotegido.

    cosme

    19 de Mar?o de 2016, 16h26m

    Boa Maurício, na verdade acho que a capa de proteção de plástico dos meus serrotes é exatamente as canaletas plásticas, bem colocado.
    Particularmente eu prefiro a madeira pelos motivos que apresentei na postagem, mas de fato é uma solução bem prática.
    Se você avançar nisso, seria bacana compartilhar e perpetuar lá no Madeira.

Participe, deixe um comentário:

Nome
Email
Comentário